Tem gente que tem o olhar tão crítico que acaba se autodestruindo!

Uma pessoa com o olhar crítico demais sobre tudo pode acabar se autodestruindo. Sabe aquelas pessoas que sempre jogam areia nos nossos sonhos?Que é só a gente falar que quer fazer alguma coisa, ou que vai fazer, e lá
Compartilhe:
23/12/2019

Uma pessoa com o olhar crítico demais sobre tudo pode acabar se autodestruindo. Sabe aquelas pessoas que sempre jogam areia nos nossos sonhos?

Que é só a gente falar que quer fazer alguma coisa, ou que vai fazer, e lá vem ela com o seu olhar crítico, levantar mil e uma teorias da conspiração na tentativa de nos desmotivar?

Pois então, é só parar para analisar por um instante a vida dessas pessoas que, acabamos entendendo o motivo pelo qual elas fazem isso:

ELAS SÃO INFELIZES!

A infelicidade é contagiante, e acabamos tentando nos distanciar o quanto podemos, por mais que gostemos delas!

Elas até possuem boas intenções (acho), mas acabam se autodestruindo com as suas sucessivas tentativas de minar os nossos sonhos.

QUEM MUITO CRITICA ACABA SENDO CRITICADO, E DEPENDENDO DA CRÍTICA QUE É FEITA, E COMO ELA É FEITA, A PESSOA ACABA TRANSMITINDO UMA IMAGEM ARROGANTE!

Meio que se apresenta de forma prepotente, vomitando as suas certezas e querendo nos convencer de que ela sabe mais do que a gente!

A humildade passa longe dela, e a vontade de impedir que façamos o que queremos fazer, ou de nos provar que estamos errados em nossas escolhas, acaba sendo maior do que a vontade de nos ver felizes e realizados!

Sempre que escuto uma crítica tento medir o nível de sabedoria contida nela observando quem a fez.

Se a pessoa é muito experiente, já viveu situações parecidas, e carrega no olhar uma vontade verdadeira em auxiliar, eu escuto com toda a atenção. Considero, e peso os prós e os contras.

Mas se a pessoa nunca viveu nada parecido, só ouviu falar, e nem checou os fatos para saber se realmente aquilo procede, eu fecho os ouvidos e o coração para ela, sem dó nem piedade!

Quando estamos à postos e ligados, predispostos a sempre criticar, como um compulsivo do “não vai dar certo”, ou do, “não está bom, refaça”, passamos a ser demasiados expansivos e desconfortáveis. Isso vinculasse ao negativismo, e às pessoas que sempre veem o lado negativo em tudo.

Na vida já temos muitos problemas e obstáculos para enfrentar diariamente, por isso, pessoas negativas demais e que criticam demais não são tão bem-vindas.

Tem gente que tem o olhar tão crítico que acaba se autodestruindo!

TODO EXCESSO DE CRÍTICA ESCONDE UMA FALTA DE RESPEITO.

Não queira ser uma pessoa tão crítica

O EQUILÍBRIO ENTRE O QUE NÃO SE DEVE DIZER E O QUE DEVE REALMENTE SER DITO É SEMPRE SINÔNIMO DE SABEDORIA E MATURIDADE.

Devemos dar ouvido apenas as críticas construtivas. As destrutivas devem se autodestruir em alguns segundos.

A VIDA EXIGE CORAGEM E DISCIPLINA.

Se não nos arriscamos, é porque temos medo. Medo de errar, de ser criticado, de nos frustrar ou fracassar.

MAS É NA TENTATIVA E NO ERRO QUE SE CHEGA AO ACERTO.

A vida exige disciplina e resiliência!

Estamos todos na esfera do olhar do outro.

Somos seres em formação e são as experiências que vivemos que nos fortalecem!

QUEM NUNCA CAI, JAMAIS VAI APRENDER A SE LEVANTAR.

Se ficarmos preocupados demais com o que vão dizer, ou com o que dizem sobre o que fazemos, não fazemos nada.

E acabamos vivendo um eterno distanciamento de quem somos, assim, dispensamos as oportunidades que poderiam fazer com que viéssemos a ser:

MELHORES.

Pessoas extremamente críticas não evoluem, não progridem, não amadurecem.

O medo do desconhecido as impede de tentar. E por conta disso, elas até querem que os outros tentem, mas do jeito delas.

Elas lançam suas criticas ao trabalho alheio, ao comportamento de terceiros, mas não são capazes, muitas vezes, de olhar para si mesmas.

Sim, existem os que são extremamente autocríticos, esses também se afundam na própria necessidade de autoafirmação, e na não aceitação de si mesmos.

POR SEREM TÃO CRÍTICOS, ACABAM EXIGINDO DE SI E DOS OUTROS UM PERFECCIONISMO DOENTIO. E O MEDO DE NÃO SEREM BONS O SUFICIENTE LEVAM MUITOS A INÉRCIA, O QUE PARALISA TODAS AS POSSIBILIDADES DE EVOLUÇÃO.

A vida é dinâmica, exige movimento.

Cristalizar as ações, em “mais do mesmo”, retirando de si a chance do “diferente”, de exercer a criatividade e o poder da criação pelo medo de errar:

É PERDA DE TEMPO.

E negar a si mesmo o progresso que vem das novas experiências só porque disseram que não vai dar certo, ou porque você mesmo se crítica demais, é perder a chance de desenvolver o seu capital mais valioso:

O INTELECTO.

Que sua crítica seja mais suave! Que suas ações sejam corajosas! E que sua a criatividade não seja paralisada pelo medo de errar. Porque errar é humano, mas progredir aprendendo com suas falhas é divino!