Fabiano de Abreu

diz que: 'Viver pode não ser tão ruim'.

Filósofo, poeta, escritor, assessor de imprensa, personal branding, empresário e jornalista.

"Me deparo com pessoas em busca de uma solução para Ser Feliz. Engulo personagens que aproveitam-se da "depressão" global e da necessidade de alcançar a Felicidade A Todo Custo de parte da humanidade, fantasiam-se de profissões que não existem, quando é na filosofia que encontramos as respostas simples para as questões óbvias". 

O que seria a filosofia? 

A filosofia é a busca por entender a razão e os motivos da vida, ou pelo menos buscarmos inúmeras razões para algumas razões. A filosofia é para percebermos que o fim é igual para todos e que nada sabe-se após isto. Filosofia é também uma estratégia para a busca da felicidade, para encontrar meios para tentar ser mais feliz. A filosofia está na maneira que levamos a vida e portamo-nos na sociedade, pois filosofia é a vida e é a razão. 

Desde quando escrevo? 

Desde pequeno tenho escrito sobre filosofia e feito poemas, porém nunca como profissão, mas sempre apenas por amor à sabedoria e para externar questionamentos que estão cá dentro de mim, e repensar o por quê de aqui estarmos, pela óptica de um observador e pensador. 

Quem é o Fabiano de Abreu?

Apelidado de 'o filósofo sem influências' Fabiano de Abreu trabalha o seu cognitivo com conceitos antropológicos para o embasamento das suas teorias. Em parceria com uma psicóloga, uma arqueóloga, um teólogo e uma psicanalista para que avaliem os seus textos e as suas ideias. Usando uma linguagem atual e de fácil entendimento o autor procura com a sua escrita alcançar a explicação do significado e a resposta para o motivo. O seu trabalho resulta como uma espécie de entendimento alargado sobre a vida e os seus conceitos. Desta forma e como resultado final, o filósofo espera ajudar os seus leitores a encontrarem o caminho para a plenitude na vida.
Autor do livro 'Viver Pode Não Ser Tão Ruim', Fabiano cria além de frases filosóficas de impacto, poemas filosóficos que chegaram a ser usados nas escolas públicas do estado de Minas Gerais no Brasil. O filósofo alegou que a filosofia apresentada em forma de poesia desperta o interesse dos alunos mais desinteressados na matéria por ser uma maneira pouco usual de ensinar os temas. "Os jovens por norma gostam de música e as rimas filosóficas  podem assemelhar se as rimas das letras." 
 
Em paralelo o autor escreve para dois dos maiores sites de resiliência e humanas da lusofonia, o Resiliência Humana e Seu Amigo Guru cuja página no Facebook tem quase sete milhões de likes e milhares de views diários. Como palestrante já fez palestras no Brasil, Portugal e Angola, sendo que, neste último país, está representado com uma coluna de filosofia no Platina Line, maior portal de notícias do país.

Principal trabalho
Fabiano de Abreu também é jornalista, escritor e personal branding. Proprietário da agência de comunicação e mídia social MF Press Global, é correspondente e colaborador de várias revistas, sites de notícias e jornais de grande repercussão nacional e internacional. Atualmente detém o prêmio do jornalista que mais criou personagens na história da imprensa brasileira e internacional, reconhecido por grandes nomes do jornalismo em diversos países

 

Sobre o livro

Meu intuito ao escrever um livro com frases filosóficas, foi destinar à atualidade, um livro fino, de poucas páginas, que não amedronte aos que não tem o hábito da leitura, pois vivemos na era dos 150 caracteres, do Twitter, da internet, uma época em que o exagero do pragmatismo, do objetivo e do prático, aliados à preguiça dos nossos dias, manifesta-se no cotidiano social. Apesar de curtas, as frases do meu livro são voltadas ao processo de reflexão pessoal, individual e coletiva, seja em sala de aula, em uma roda de amigos, ou sozinho em casa.

O livro já encontra-se em algumas poucas escolas, mas meu principal objetivo, é que ele possa estar em muitas escolas. Em um mundo digital, onde a rede social tornou-se o principal foco das crianças e dos jovens, a filosofia volta à cena cultural, mas reformulada. A filosofia hoje é um dos remédios para os diversos problemas que estamos a viver na sociedade, como consequência de um empobrecimento cultural, da extrema objetividade da internet, da globalização e do avanço tecnológico e intelectual. 

Então, a minha tese final é de que toda criança e jovem tenha acesso à filosofia, e que esta possa ajudar a formar grandes adultos de bom carácter, e que seu papel na sociedade tenha como resultado um grande legado a não ser esquecido.

Objetivo

Um dos meus maiores desejos é poder compartilhar o que penso com toda gente, e trazer por meio disso o diálogo e o debate filosófico. O meu livro de frases e pensamentos, intitulado 'Viver Pode Não Ser Tão Ruim’, hoje encontra-se na Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro (Brasil), Biblioteca Municipal de Castelo de Paiva(Portugal), Biblioteca da Universidade Gregório Semedo (Angola) e a Biblioteca São Lázaro em Lisboa. Tais cidades e centros académicos, são importantes polos culturais e de influência regional e global. Agora também poderá ser encontrado na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra(Portugal), um dos mais antigos centros académicos do mundo, que tenho como referência mundial.

Impressos

Veja abaixo os impressos em destaque

"Me deparo com pessoas em busca de uma solução para Ser Feliz. Engulo personagens que aproveitam-se da "depressão" global e da necessidade de alcançar a Felicidade A Todo Custo de parte da humanidade, fantasiam-se de profissões que não existem, quando é na filosofia que encontramos as respostas simples para as questões óbvias"

Fabiano de Abreu

Crónicas e Notícias

Veja as últimas notícias

19/11/2019

Inação ou ociosidade? Quando o cansaço extremo é confundido com preguiça

Para conseguirmos distinguir a preguiça da inação e da ociosidade, primeiro vamos compreender seus significados: A preguiça é uma...

04/11/2019

Às vezes, é tempo de desistir para insistir num novo momento

Muitas vezes na vida chegamos em um determinado momento em que é preciso fazer um balanço. Por vezes, deparamo-nos com situações em que...